Cores de tintas para paredes: 3 dicas pra escolher as certas | Triider

Saiba como escolher as cores de tintas para paredes mais adequadas e ainda conheça o tipo de tinta indicado para madeira, gesso e alvenaria

Escolher as cores de tintas para paredes pode ser uma tarefa complicada, afinal de contas, existem muitas opções disponíveis no mercado. A motivação da pintura pode ser originada por alguns fatores: existem momentos em que o imóvel é pintado para ganhar uma cara nova. Em outras situações, ele recebe uma mão de tinta para que certas imperfeições sejam minimizadas.

Além disso, outras questões também devem ser consideradas, como os vários tipos de tinta acessíveis ao consumidor. Pensando nesses detalhes, resolvermos criar um artigo com as principais dicas para você não errar na hora de fazer a sua pintura residencial.

1. Entenda as diferenças entre os tipos de tinta

cores de tintas para paredes, dicas de tintas

Antes de escolher as cores de tintas para paredes, é importante entender qual será o tipo de tinta escolhida para a pintura. Existem várias alternativas, conheça as mais populares:

Tinta Látex ou PVA

É uma tinta mais barata com baixa resistência a intempéries, por isso, é recomendada para tetos e paredes internas. Tem apenas acabamento fosco e pode ser usada em madeira, alvenaria e gesso.

Acrílica

Mais resistente que a opção anterior, a tinta acrílica pode ser usada em ambientes externos. Além disso, é comum usá-la para pintar todas as superfícies.

Tinta óleo

Por ser impermeável, ter um aspecto fosco e brilhante, a tinta acrílica costuma ser usada em ambientes que pedem um acabamento diferenciado. Normalmente, é utilizada em móveis e portões de ferro.

Tinta esmalte

À base de solvente, essa tinta possui cheiro forte e pode demorar para secar. Quando feita à base de água, não possui esses problemas. Tem grande resistência — o que justifica a popularidade de seu uso em áreas externas — e dispõe de acabamento fosco, brilhante e acetinado.

2. Escolha as cores de acordo com o ambiente

Cores para a sala

cores de tintas para paredes, dicas cores

É muito importante acertar na escolha das cores para sala de estar, pois é nesse ambiente que recebemos as pessoas queridas. O mais importante é entender que as cores devem combinar com a mobília e com a decoração.

Evite tons escuros porque eles podem prejudicar a iluminação e trazer um aspecto pesado ao ambiente. Uma sugestão é ficar entre as cores mais clássicas, como os tons de bege e gelo ou apostar na modernidade dos tons de laranja, por exemplo. Lembre-se que as cores para sala de TV devem ser mais claras para não competirem com a tela.

Cores para o quarto

cores de tintas para paredes, dicas de cores, pintura de casa
Foto: Mike Marquez
cores de tintas para paredes, dicas de tintas
Foto: Annie Spratt

Procure evitar cores fortes e estimulantes neste ambiente específico. Aposte em tons mais claros, pois contribuem para o descanso dos olhos, exigem menos iluminação e trazem uma sensação calmante — principalmente para o quarto das crianças. Contudo, se a ideia é dar um tom mais rústico, você pode usar tons mais escuros — desde que estejam em harmonia com a decoração.

Cores para a fachada

cores de tintas para paredes, dicas de cores

cores de tintas para paredes, dicas de cores

cores de tintas para paredes

As cores de casa por fora também são importantes. Nos ambientes externos, é possível usar tons mais fortes e escuros caso combinem com a arquitetura do imóvel. Para decidir isso, saiba compreender o que o seu imóvel diz. Uma casa de madeira de lei, por exemplo, deve evidenciar o material. Assim, não subestime a beleza dos tijolos, concreto ou madeira. 

Além disso, entenda que a cor da fachada deve se relacionar bem com os outros elementos externos, como o jardim, por exemplo. Na dúvida, pinte 1 m² para ter uma noção de como ficará.

3. Entenda como combinar as cores

cores de tintas para paredes, dicas de tintas
Foto: Erol Ahmed

Pintores artísticos costumam usar o conhecimento sobre combinação de cores para trazer mais beleza às suas obras. E você também pode usar as cores complementares para tornar sua casa mais harmoniosa.

Como sabemos, são três as cores primárias: azul, vermelho e amarelo. As secundárias são: verde, laranja e roxo. As cores complementares são aquelas que possuem lugar oposto no círculo cromático, por exemplo: laranja e roxo.

Isso significa que você pode usar tons de laranja em uma parede e tons de roxo em outra, pois elas se complementam — lembrando sempre que a intensidade dessas cores influencia nessa decisão. Também use esse conhecimento na hora de escolher as tonalidades de seus móveis. As cores das paredes podem ter um tom complementar.

Gostou das dicas? Assine a nossa newsletter para não perder os próximos artigos e ficar por dentro das novidades para a sua casa! Falando nisso, você sabia que existem diferentes formas de pendurar quadros na parede? Sim, mostramos aqui no Blog do Triider! Confira para entender como combinar as cores de tintas para paredes com a decoração com quadros que você vai utilizar! 

E se você está precisando reformar a sua casa, não deixe de contar com profissionais qualificados para este processo. 

Escreva um comentário