Atração e seleção de talentos: como funciona no Triider

Desde o início do Triider, adotamos um modelo de atração e seleção de talentos que nos permitisse ter flexibilidade para explorar o potencial das entrevistas. Sabemos o quanto uma seleção assertiva é recompensante, pois ao selecionar a pessoa certa para a oportunidade, nossas chances de desenvolver esse profissional crescem exponencialmente. Está curioso para saber como atraímos e selecionamos talentos? Então, siga a leitura, pois vamos contar como funciona o processo de seleção do Triider.

Procuramos adaptar ao máximo o nosso tempo com a rotina das pessoas candidatas, por isso, o nosso primeiro contato é feito por ligação ou videoconferência. Em nossas relações, prezamos muito pelo olhar humanizado e por uma comunicação descomplicada, por isso fazemos um bate-papo descontraído e focamos sempre em conhecer as pessoas, seus objetivos e suas experiências. Essa conversa é essencial para alinhar as expectativas da pessoa candidata com a oportunidade que está sendo ofertada.

Nós somos apaixonados pela colaboração, por isso, nas etapas seguintes, não deixamos o processo centralizado no time de Pessoas e Cultura. Envolvemos o líder (do time o qual a vaga pertence) e sua equipe para avaliarem o nível técnico de cada candidate. Nessa fase, realizamos duas phone screening¹ – o líder e a pessoa escolhida por ele fazem uma ligação individual focando nas hard skills² dos candidates. Esse é o momento de entender se, tecnicamente, o candidate tem o conhecimento necessário para a vaga.

Queremos pessoas que estejam preparadas para todos os desafios que surgirem e, por isso, temos uma etapa focada em entender como cada candidate reage à adversidades. Cada time, em parceria com a equipe de Pessoas e Cultura, é responsável por montar um desafio técnico referente à sua área de atuação. Realizados de forma online, os testes são avaliados por todes que participaram do processo – desde o time de Pessoas e Cultura até o time do qual essa pessoa poderá fazer parte. Esse teste pode confirmar ou apresentar alguma característica que não foi identificada nos passos anteriores, conferindo mais assertividade para a validação dos perfis.

Como já exemplificamos, a colaboração faz parte do nosso DNA e demonstramos isso continuamente no processo de Atração e Seleção de Talentos. O último estágio do processo, o looping, é a única fase realizada presencialmente. Nessa fase, pessoas de diferentes times são convidadas para conversar com os candidates, tendo como principal desafio identificar o fit³ com os nossos princípios de liderança, cultura e valores. Para essa avaliação, todes que estão participando do processo já estudaram as experiências anteriores de cada pessoa candidata, assim como o perfil psicológico e o desafio técnico.

Essa etapa exige muito comprometimento da equipe, pois mantemos todas as nossas constatações em sigilo. Até que a última conversa ocorra, nenhum de nós pode comentar com os colegas sobre a pessoa entrevistada. Fazemos isso para que ninguém seja influenciado pela avaliação do outro, permitindo assim que o candidate não seja “pré-julgado” antes da conversa e que cada um tire suas conclusões de forma imparcial e individual. No momento certo, todos revelarão suas considerações para uma decisão em comum acordo. Acreditamos que a decisão colegiada traz mais engajamento fazendo com o time inteiro participe das escolhas dos novos colegas.

Ser uma empresa humana é um dos nossos valores mais fortes. A todo tempo, consideramos as emoções e reações dos pretendentes da vaga durante a seleção. Por isso, para reafirmar o nosso compromisso em proporcionar uma boa experiência com o processo, buscamos dar feedbacks⁴ objetivos, sinceros e com muita empatia para todes. Valorizamos verdadeiramente o desenvolvimento das pessoas a partir deste retorno e mantemos as nossas portas sempre abertas para futuros reencontros.

Glossário:

Phone screening: Entrevista de triagem utilizada para determinar se a pessoa candidata é qualificada para o trabalho que está aplicando.
Hard skills: Habilidades técnicas da pessoa candidata.
Fit: Encaixe da pessoa candidata com os valores da empresa.
Feedbacks: Ferramenta de comunicação utilizada para fazer avaliações, ou seja, um retorno que proporciona ao ouvinte entender melhor os pontos fortes e fracos de suas ações.

Escreva um comentário